quinta-feira, 17 de setembro de 2015

52 ideias de mutuais para 52 semanas do ano + dicas de como encontrar ideias para mutuais

Este post você vão gostar muito. Trata-se de um treinamento que dei em meu novo chamado na estaca, e que acredito ser bem útil.

Depois de tantos anos tendo que elaborar mutuais, aprendi e busquei alguns recursos que me ajudaram e preparei isto para o treinamento, e montei este material. Aqui dou algumas dicas de como ter ideias para mutuais e parte que deixei fácil pra vocês: um compilado de 52 ideias para mutuais para 1 ano, divididas por categorias diferenciadas.


Várias delas já foram postagens mais detalhadas aqui no blog, mas tem novas sugestões também. E qualquer dúvida, podem perguntar!

ENJOY!

Mutuais Excelentes
Treinamento de Liderança das Auxiliares – Estaca Curitiba – Setembro/2015

Utilizem as mutuais como forma de desenvolvimento de moças e líderes, assim como uma maneira de se aproximar das jovens, em um momento mais descontraído, mas ainda assim sadio.

Dicas extras para organizar mutuais
- Cada atividade deve ter um propósito e planejamento para atingir um objetivo espiritual;
- Tenham sempre uma mutual “plano B’ que não deixe de ser uma boa atividade, mas que seja fácil de ser realizada e organizada rapidamente, no caso de algum imprevisto;
- Faça mutuais que vão de encontro com os interesses das jovens (perguntem à elas), mas ao mesmo tempo que proporcionem aprendizado e algum ponto relacionado ao evangelho;
- As próprias moças – especialmente as presidentes de classe – podem ser designadas para preparar uma mutual, com o acompanhamento e auxílio de suas líderes.

Como ter ideias de mutuais?
- Ore e busque o Espírito para saber quais tópicos e temas podem ser levados para uma mutual e também para que você seja guiada para encontrar e elaborar atividades adequadas às moças.
- Pesquise muito: use o site oficial de recursos dos jovens, blogs, internet em geral, livros e manuais da igreja – livro de noite familiar, livro de atividades, antigos manuais das moças, etc. Não podemos ter preguiça, mas sim bom ânimo e disposição para ajudar nossas jovens com atividades excelentes.
- Conheça as profissões, talentos e habilidades dos membros de sua ala, e convide-os para ensinar o que sabem às jovens.
- Pergunte de forma direcionada o que as moças desejam fazer nas mutuais. O resultado disso não será tão eficaz se você apenas perguntar “o que vocês querem fazer”. Use uma mutual para discutir sugestões onde você pode iniciar com uma ideia e em seguida as moças darem suas opiniões. Por exemplo: divida a mutual em 6 grandes tópicos, como espiritual, entretenimento, culinária, artesanato, profissional, cultural. Você pode começar perguntando o que elas gostariam de aprender e conhecer da parte espiritual e sugerir para elas verem tópicos do livreto Sempre Fieis e mencionarem seus interesses. Na parte cultural, você pode perguntar se tem algum país, cultura ou artes de seu interesse, onde vocês possam trabalhar, e assim respectivamente.
- Crie um questionário para cada moça responder. Pergunte seu nome, idade, cor favorita, comida favorita, onde estuda, o que gosta de fazer em seu tempo livre, o que tem vontade de seguir como profissão, sites e perfis na internet que gosta de acessar, aplicativos que costuma usar, hobbies e talentos que possui e outros que queira desenvolver, cursos que já fez, e o que mais vocês considerarem relevante.

52 Semanas no Ano – 52 Ideias para Mutuais

Espirituais
1. Debate com o bispado (sugestão do manual 2). Usar tópicos e padrões do Para o Vigor da Juventude. Elaborar perguntas de temas bem atuais para a discussão.
2.Jogo da Memória das Regras de Fé: Avisar no domingo, sem dar detalhes, que as moças devem decorar as 13  regras de fé. Na mutual, dividir as moças em dois grupos e Fazer cartões com o número da regra de fé que formem um par com uma palavra chave da escritura, criando um jogo da memória. Logo que um par for formado, as moças que recitarem decor a regra de fé podem ser premiadas.
3. Desenho ou mímica das escrituras: similar ao jogo Imagem em Ação, onde uma pessoa desenha ou faz uma mímica para adivinhar um objeto, personagem ou local das escrituras. As líderes podem fazer cartões com as palavras e estipular um tempo de 30 segundos à 1 minuto para o jogo.
4.Datas comemorativas: celebrar os eventos comemorativos com mensagens espirituais, músicas atividades especiais próximo ao natal, páscoa e mesmo outros eventos ocorridos nas escrituras. É possível fazer de uma maneira mais descontraída. Por exemplo, explicar como foi celebrada a primeira páscoa judaica antes da fuga do Egito: usar roupas similares da época e comer os alimentos da ceia, explicando o significado de cada um deles.
5. Preparação para a Conferência Geral. Fazer um teste com perguntas sobre o que elas lembram da última conferência, quem são as autoridades gerais, e se elas sabem a data da próxima conferência. Depois discutir ideias do que elas podem fazer antes, durante e após a conferência.
6. Noite missionária: realizar atividades relacionadas ao chamado de missão de tempo integral. Convidar uma ex-missionária para falar de suas experiências, de como tudo funciona e discutir “mitos” e responder perguntas. Fazer um mini-ctm para mostrar como funciona a rotina do treinamento para a missão. Fazer um envelope com um chamado (usando as mesmas palavras da versão original) e uma plaqueta adaptada para cada moça como lembrança, mas para abrir apenas no término da mutual. Elas podem ganhar um livro do Pregar Meu Evangelho e do Guia de Bolso do Missionário como lembrança (ambos a venda no templo).
7. História da Família: cada jovem criar sua própria conta SUD e iniciar a alimentar sua árvore no sistema familiysearch. Os jovens que já possuírem conta e árvore podem ajudar os outros que ainda não tem. Consultores de história da família podem participar.
8. Indexação. Ensinar e indexar diversos lotes de documentos e registros disponíveis do familysearch. Consultores de história da família podem participar.
9. Preparação para o Batistério: Decorar a sala com objetos e fotografias relacionadas ao templo e ao batistério. Discutir ideias de como as jovens devem se preparar para uma caravana de batistério, incluindo a parte espiritual, a genealogia e as questões práticas como que roupa usar, o que levar, o que não fazer e como o batistério vai funcionar. As líderes podem dar uma carta com todas as recomendações para cada moça.
10. Diários: usar referências de profetas e discutir porquê e como fazer diários. Dar dicas do que registrar e como fazer um diário. Levar seus próprios diários e compartilhe algumas memórias. Presentear cada moça com um caderno no término da atividade.
11. Atividade Pioneira: Mostrar histórias de sacrifícios dos pioneiros, compartilhem seus costumes, hábitos, jogos, músicas e danças, valorizando o legado pioneiro.
12. Regência e hinos das moças: aprender conceitos básicos de música e regência de hinos. É possível também aprender os hinos do hinário “o Canto do Coração” em algumas mutuais.
13. Padrões. Elaborar uma mutual com cada um dos padrões do para o Vigor da Juventude. Usar recursos do site do livreto como vídeos, artigos, perguntas frequentes e discursos dos profetas para criação, apresentação e discussões nas atividades.
14. Estudar o Cristo Vivo ou a Família Proclamação ao Mundo: faça um estudo aprofundado das declarações. Sublinhar os verbos, ver os títulos dados ao Salvador, e tópicos que acharem adequados. Discutam parágrafos importantes e relevantes.

Artesanatos
15. Bonecas de meia artesanais: fazer bonecas para serem doadas à crianças em um orfanato ou idosas de um asilo.
16. Flores de fuxico ou tecido: aprender para enfeitar acessórios e serem usadas em costurar diversas.
17. Pulseiras da amizade: podem ser feitas com fios finos de tricô, técnica que utiliza pequenos nós formam desenhos.
18. Bordado em ponto cruz, tricô, crochê ou técnicas de patchwork: escolher algo pequeno para aprender a técnica.
19. Scrapbooking: fazer uma página com a técnica para um álbum de fotos, convite ou capa de um diário.

Culinárias
20. Culinária de caneca. Ensinar a fazerem um bolinho ou torta salgada com micro-ondas usando a caneca.
21. Festival de receitas de família. Pedir para cada moça trazer de casa um prato (doce ou salgado) que seja ou uma tradição, ou que tenha uma história, ou mesmo que seja o favorito de sua família. Cada moça conta a história do prato no dia e no término todas provam as comidas. Elas podem levar uma cópia da receita para cada participante também.
22. Noite dos brigadeiros: cada moça deve pesquisar e escolher uma receita de brigadeiro para fazer e ensinar na hora. Todos podem ser feitos na mesma mutual.
23. Perguntas culinário: faça um teste de perguntas culinárias, como que tipo de tábua é a mais higiênica, qual tipo de óleo é o mais saudável, como saber se o feijão está bom ou velho, etc. Discutir cada uma das respostas.
24. Culinária funcional e nutrição: aprender preparos e quais alimentos são mais saudáveis, assim como receitas com estes alimentos. Uma nutricionista pode auxiliar nessa atividade.

Profissionais
25. Primeiro emprego. Convidar um profissional de Recursos Humanos, um voluntário dos serviços de emprego SUD ou um jovem que trabalhe como aprendiz para dar dicas de etiqueta profissional, como se portar em uma entrevista e indicar locais e cursos de especialização para conseguir o primeiro emprego.
26. Importância de aprender um idioma. Chamar um professor de inglês ou outro idioma para falar sobre como é mais fácil aprender uma língua estrangeira enquanto se é jovem. Pode-se fazer uma brincadeira pedindo para cada moça ler algo em outra língua (mesmo que pronuncie errado) e tentar explicar o que entendeu do texto.
27. Cerimonial e Organização de Eventos; Aprender o que envolve o planejamento de um evento e todos os itens que devem ser organizados. Desafiar as jovens a organizarem uma atividade completa, pensar e executar todos os detalhes.

Esportivas e Gincanas
28. Jogos escolares: caçador, pique-bandeira, etc.
29. Esportes adaptados: vôlei com bexiga de água e lençol, futebol em dupla (2 pessoas amarradas pela perna), handebol vendado, vôlei sentado.
30. Perfil: jogo para adivinhar locais, pessoas famosas e objetos dando dicas pequenas para 2 equipes.
31. Circuito de provas: fazer um circuito com obstáculos (passar por baixo de cadeira, saltos, corrida em zigue zague, etc) com tempo cronometrado. O time mais rápido vence.

Culturais
32. Noite temática sobre um país. Falar sobre os dados geográficos gerais do local, curiosidades, cultura, pontos turísticos, danças e culinária. Leve uma música local para escutarem, objetos da cultura e provem um prato típico no término. É possível realizar sobre México, Estados Unidos, França, Alemanha, Japão, etc.
33. Noite regional. Utilizar o mesmo formato de atividade temática para fazer sobre uma região ou estado do Brasil. Pode ser do Sul, Nordeste, Norte, Centro-Oeste ou mais específico como Minas Gerais, Bahia, Amazonas, etc.
34. Passeio e um parque ou museu. Programar um passeio em um parque ou museu da cidade para conhecer mais de sua história ou cultura. Sugestôes: Museu Paranaense (Largo da Ordem), Museu Egípcio Rosa Cruz (Bacacheri), Museu de História Natural (No Bosque do Capão da Imbuia), Museu Oscar Niemeyer (Centro Cívico), Museu do Expedicionário (Alto da XV), Parque Barigui (Barigui), Bosque Alemão (Vista Alegre), Bosque Reinhard Maack (Boqueirão).

Técnicas de Liderança
35. Treinamento sobre como dirigir uma reunião: ensinar as moças a dirigirem uma abertura de uma aula ou mutual. Ensinar detalhes como conferir a agenda, reconhecer visitantes e líderes da estaca, como falar a programação com hinos, oração, anúncios, aula, etc.
36. Treinamento sobre como preparar e dar uma aula: fazer dinâmicas e mostrar técnicas de como se preparar para dar uma aula, assim como conduzi-la no domingo. Utilizar recursos do manual “Ensino: Não Há Maior Chamado”.
37. Técnicas de Oratória: ensinar maneiras de como falar em público, especialmente para vencer a timidez. No término cada jovem pode escolher um tema e fazer uma breve apresentação de 2 minutos usando o que foi aprendido.
38. Improviso. Todos podem passar por imprevistos onde seja necessário improvisar uma aula, discurso ou apresentação. Ensinar técnicas de como falar bem de improviso. No final, criar temas em cartões e cada moça sortear e falar de um tema de improviso por 2 minutos.
39. Recepcionar visitantes: Debater como cada pessoa se sente ao chegar em uma nova ala, nova escola, etc. Listar as ideias e buscar soluções do que fazer quando uma visitante ou novo membro chega na ala. Fazer uma simulação de uma aula das moças onde uma jovem representa essa nova pessoa e as demais devem aplicar as sugestões.

Lar e Família
40. Gincana doméstica: mostrar como realizar simples atividades domésticas como passar roupa, reconhecer símbolos de lavagem de roupas, fazer uma limonada, pregar um botão, etc. Dividir as moças em dois grupos para que elas executem estas tarefas em uma gincana, e cada moça da equipe deverá executar uma das tarefas. O grupo que fizer mais bem feito vence a brincadeira.
41. Autossuficiência: aprender técnicas de armazenamento e ajudar a família a realiza-las. Considerar falar sobre reservas de emergência para casos extremos.
42. Decoração de Interiores: Convidar um profissional da que possa dar dicas de como a moça pode planejar e decorar seu próprio quarto, com dicas de espaço, cores, luminosidade, disposição de móveis, etc. Ela pode aplicar as ideias com sua família por toda a casa também.
43. Orçamento pessoal e familiar: aprender como gerenciar finanças, os itens que envolvem um orçamento. Cada jovem pode criar uma planilha de controle de gastos ou montar seu próprio controle em papel. Desafiar todas a viverem dentro do orçamento e iniciarem uma poupança para o futuro.
44. Casamento eterno: convidar uma moça noiva sobre como ela conheceu seu noivo e está se preparando para um casamento eterno no templo, e suas expectativas e ansiedades. Levar um vestido branco e as moças podem até experimentá-lo no dia. As líderes casadas podem falar sobre suas experiências e levar objetos de seu casamento, como fotografias, certificado do selamento, tiaras, etc.

Reconhecimento e Valorização das Moças
45. Dia de princesa: pedir ajuda de outras irmãs para “mimarem” as jovens. Fazer maquiagem, cabelo, massagem e um momento de relaxamento com as jovens. Ver a disponibilidade de, no término, irem para um parque ou local escolhido para uma sessão de fotos, individuais e em grupo.
46. Chá das Moças: Montar uma mesa de delícias, com bolinhos, pães, geleias, cupcakes e outras delícias. Fazer uma dinâmica onde, em um círculo, cada moça terá uma ficha que irá rodar no círculo e  todas vão escrever algo de positivo na ficha de cada jovem. Pode dar uma mensagem sobre auto-estima e sobre a natureza divina de cada jovem. Entregar uma carta personalizada para cada moça escrita pelas líderes no término.
47. Aumentar a Auto-estima: Convidar uma psicóloga para conversar sobre auto-estima, como evitar a depressão e outros distúrbios psicológicos atuais. Ajudar a reconhecer o valor e importância de cada moça.
48. Desenvolver talentos: cada moça escolher um talento e apresentar à classe. As moças que não acham ter talentos podem ser incentivadas por suas lideres a descobrirem talentos fora do comum para apresentarem.

Serviço
49.  Projetos de serviço diversos: visitar viúvas, doentes, mães de recém nascidos (pode levar um lanche e cantar um hino); cuidar de crianças, cantar hinos em hospitais ou asilos, organizar um dia de brincadeiras em um orfanato, ajudar irmãos na própria com necessidades diversas (jardim, obra, cuidados de saúde, etc.).
50. Realizar divisão com Élderes e Sísteres, entregar um livro de mórmon ou cartões da amizade e buscar outras maneiras de servir na obra missionária..

Mutuais sobre o Progresso Pessoal
51. História e incentivo progresso pessoal. Contar a história do progresso pessoal e do surgimento do livreto. Faça uma exposição com objetos de reconhecimento das moças e das mudanças ao longo dos anos, falando sobre cada um deles Filmar depoimentos de jovens mulheres que completaram o programa e porque foi importante para elas, assim como de seus esposos e o que eles vêem de importante. Mostrar como é muito mais fácil fazer o programa hoje do que antigamente buscando metas dos livros originais, que envolviam atividades na neve, matar insetos, etc. As líderes podem prestar testemunho sobre o programa ao final da atividade.

52. Utilizar copinhos plásticos de café e comprar gelatinas coloridas, uma de cada cor do valor das moças. Montar uma mesa que ficará bem colorida com os copinhos. Todas as participantes vão poder comer cada cor de gelatina após discutirem ideias, dúvidas e sugestões de metas e projetos de cada valor da cor correspondente.


4 comentários:

  1. Que bacana todas essas ideias. Assim dá para planejar mutuais fazendo revesamento dos temas. Tá bem organizado, Obrigada. bjus

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Esse blog é maravilhoso! Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. amei todas as idéias! estou começando agora a trabalhar com as moças e essas atividades vão me ajudar com as mutuais! Parabéns!!

    ResponderExcluir
  4. Adorei!! Vai me ajudar muito!

    ResponderExcluir

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

52 ideias de mutuais para 52 semanas do ano + dicas de como encontrar ideias para mutuais

Este post você vão gostar muito. Trata-se de um treinamento que dei em meu novo chamado na estaca, e que acredito ser bem útil.

Depois de tantos anos tendo que elaborar mutuais, aprendi e busquei alguns recursos que me ajudaram e preparei isto para o treinamento, e montei este material. Aqui dou algumas dicas de como ter ideias para mutuais e parte que deixei fácil pra vocês: um compilado de 52 ideias para mutuais para 1 ano, divididas por categorias diferenciadas.


Várias delas já foram postagens mais detalhadas aqui no blog, mas tem novas sugestões também. E qualquer dúvida, podem perguntar!

ENJOY!

Mutuais Excelentes
Treinamento de Liderança das Auxiliares – Estaca Curitiba – Setembro/2015

Utilizem as mutuais como forma de desenvolvimento de moças e líderes, assim como uma maneira de se aproximar das jovens, em um momento mais descontraído, mas ainda assim sadio.

Dicas extras para organizar mutuais
- Cada atividade deve ter um propósito e planejamento para atingir um objetivo espiritual;
- Tenham sempre uma mutual “plano B’ que não deixe de ser uma boa atividade, mas que seja fácil de ser realizada e organizada rapidamente, no caso de algum imprevisto;
- Faça mutuais que vão de encontro com os interesses das jovens (perguntem à elas), mas ao mesmo tempo que proporcionem aprendizado e algum ponto relacionado ao evangelho;
- As próprias moças – especialmente as presidentes de classe – podem ser designadas para preparar uma mutual, com o acompanhamento e auxílio de suas líderes.

Como ter ideias de mutuais?
- Ore e busque o Espírito para saber quais tópicos e temas podem ser levados para uma mutual e também para que você seja guiada para encontrar e elaborar atividades adequadas às moças.
- Pesquise muito: use o site oficial de recursos dos jovens, blogs, internet em geral, livros e manuais da igreja – livro de noite familiar, livro de atividades, antigos manuais das moças, etc. Não podemos ter preguiça, mas sim bom ânimo e disposição para ajudar nossas jovens com atividades excelentes.
- Conheça as profissões, talentos e habilidades dos membros de sua ala, e convide-os para ensinar o que sabem às jovens.
- Pergunte de forma direcionada o que as moças desejam fazer nas mutuais. O resultado disso não será tão eficaz se você apenas perguntar “o que vocês querem fazer”. Use uma mutual para discutir sugestões onde você pode iniciar com uma ideia e em seguida as moças darem suas opiniões. Por exemplo: divida a mutual em 6 grandes tópicos, como espiritual, entretenimento, culinária, artesanato, profissional, cultural. Você pode começar perguntando o que elas gostariam de aprender e conhecer da parte espiritual e sugerir para elas verem tópicos do livreto Sempre Fieis e mencionarem seus interesses. Na parte cultural, você pode perguntar se tem algum país, cultura ou artes de seu interesse, onde vocês possam trabalhar, e assim respectivamente.
- Crie um questionário para cada moça responder. Pergunte seu nome, idade, cor favorita, comida favorita, onde estuda, o que gosta de fazer em seu tempo livre, o que tem vontade de seguir como profissão, sites e perfis na internet que gosta de acessar, aplicativos que costuma usar, hobbies e talentos que possui e outros que queira desenvolver, cursos que já fez, e o que mais vocês considerarem relevante.

52 Semanas no Ano – 52 Ideias para Mutuais

Espirituais
1. Debate com o bispado (sugestão do manual 2). Usar tópicos e padrões do Para o Vigor da Juventude. Elaborar perguntas de temas bem atuais para a discussão.
2.Jogo da Memória das Regras de Fé: Avisar no domingo, sem dar detalhes, que as moças devem decorar as 13  regras de fé. Na mutual, dividir as moças em dois grupos e Fazer cartões com o número da regra de fé que formem um par com uma palavra chave da escritura, criando um jogo da memória. Logo que um par for formado, as moças que recitarem decor a regra de fé podem ser premiadas.
3. Desenho ou mímica das escrituras: similar ao jogo Imagem em Ação, onde uma pessoa desenha ou faz uma mímica para adivinhar um objeto, personagem ou local das escrituras. As líderes podem fazer cartões com as palavras e estipular um tempo de 30 segundos à 1 minuto para o jogo.
4.Datas comemorativas: celebrar os eventos comemorativos com mensagens espirituais, músicas atividades especiais próximo ao natal, páscoa e mesmo outros eventos ocorridos nas escrituras. É possível fazer de uma maneira mais descontraída. Por exemplo, explicar como foi celebrada a primeira páscoa judaica antes da fuga do Egito: usar roupas similares da época e comer os alimentos da ceia, explicando o significado de cada um deles.
5. Preparação para a Conferência Geral. Fazer um teste com perguntas sobre o que elas lembram da última conferência, quem são as autoridades gerais, e se elas sabem a data da próxima conferência. Depois discutir ideias do que elas podem fazer antes, durante e após a conferência.
6. Noite missionária: realizar atividades relacionadas ao chamado de missão de tempo integral. Convidar uma ex-missionária para falar de suas experiências, de como tudo funciona e discutir “mitos” e responder perguntas. Fazer um mini-ctm para mostrar como funciona a rotina do treinamento para a missão. Fazer um envelope com um chamado (usando as mesmas palavras da versão original) e uma plaqueta adaptada para cada moça como lembrança, mas para abrir apenas no término da mutual. Elas podem ganhar um livro do Pregar Meu Evangelho e do Guia de Bolso do Missionário como lembrança (ambos a venda no templo).
7. História da Família: cada jovem criar sua própria conta SUD e iniciar a alimentar sua árvore no sistema familiysearch. Os jovens que já possuírem conta e árvore podem ajudar os outros que ainda não tem. Consultores de história da família podem participar.
8. Indexação. Ensinar e indexar diversos lotes de documentos e registros disponíveis do familysearch. Consultores de história da família podem participar.
9. Preparação para o Batistério: Decorar a sala com objetos e fotografias relacionadas ao templo e ao batistério. Discutir ideias de como as jovens devem se preparar para uma caravana de batistério, incluindo a parte espiritual, a genealogia e as questões práticas como que roupa usar, o que levar, o que não fazer e como o batistério vai funcionar. As líderes podem dar uma carta com todas as recomendações para cada moça.
10. Diários: usar referências de profetas e discutir porquê e como fazer diários. Dar dicas do que registrar e como fazer um diário. Levar seus próprios diários e compartilhe algumas memórias. Presentear cada moça com um caderno no término da atividade.
11. Atividade Pioneira: Mostrar histórias de sacrifícios dos pioneiros, compartilhem seus costumes, hábitos, jogos, músicas e danças, valorizando o legado pioneiro.
12. Regência e hinos das moças: aprender conceitos básicos de música e regência de hinos. É possível também aprender os hinos do hinário “o Canto do Coração” em algumas mutuais.
13. Padrões. Elaborar uma mutual com cada um dos padrões do para o Vigor da Juventude. Usar recursos do site do livreto como vídeos, artigos, perguntas frequentes e discursos dos profetas para criação, apresentação e discussões nas atividades.
14. Estudar o Cristo Vivo ou a Família Proclamação ao Mundo: faça um estudo aprofundado das declarações. Sublinhar os verbos, ver os títulos dados ao Salvador, e tópicos que acharem adequados. Discutam parágrafos importantes e relevantes.

Artesanatos
15. Bonecas de meia artesanais: fazer bonecas para serem doadas à crianças em um orfanato ou idosas de um asilo.
16. Flores de fuxico ou tecido: aprender para enfeitar acessórios e serem usadas em costurar diversas.
17. Pulseiras da amizade: podem ser feitas com fios finos de tricô, técnica que utiliza pequenos nós formam desenhos.
18. Bordado em ponto cruz, tricô, crochê ou técnicas de patchwork: escolher algo pequeno para aprender a técnica.
19. Scrapbooking: fazer uma página com a técnica para um álbum de fotos, convite ou capa de um diário.

Culinárias
20. Culinária de caneca. Ensinar a fazerem um bolinho ou torta salgada com micro-ondas usando a caneca.
21. Festival de receitas de família. Pedir para cada moça trazer de casa um prato (doce ou salgado) que seja ou uma tradição, ou que tenha uma história, ou mesmo que seja o favorito de sua família. Cada moça conta a história do prato no dia e no término todas provam as comidas. Elas podem levar uma cópia da receita para cada participante também.
22. Noite dos brigadeiros: cada moça deve pesquisar e escolher uma receita de brigadeiro para fazer e ensinar na hora. Todos podem ser feitos na mesma mutual.
23. Perguntas culinário: faça um teste de perguntas culinárias, como que tipo de tábua é a mais higiênica, qual tipo de óleo é o mais saudável, como saber se o feijão está bom ou velho, etc. Discutir cada uma das respostas.
24. Culinária funcional e nutrição: aprender preparos e quais alimentos são mais saudáveis, assim como receitas com estes alimentos. Uma nutricionista pode auxiliar nessa atividade.

Profissionais
25. Primeiro emprego. Convidar um profissional de Recursos Humanos, um voluntário dos serviços de emprego SUD ou um jovem que trabalhe como aprendiz para dar dicas de etiqueta profissional, como se portar em uma entrevista e indicar locais e cursos de especialização para conseguir o primeiro emprego.
26. Importância de aprender um idioma. Chamar um professor de inglês ou outro idioma para falar sobre como é mais fácil aprender uma língua estrangeira enquanto se é jovem. Pode-se fazer uma brincadeira pedindo para cada moça ler algo em outra língua (mesmo que pronuncie errado) e tentar explicar o que entendeu do texto.
27. Cerimonial e Organização de Eventos; Aprender o que envolve o planejamento de um evento e todos os itens que devem ser organizados. Desafiar as jovens a organizarem uma atividade completa, pensar e executar todos os detalhes.

Esportivas e Gincanas
28. Jogos escolares: caçador, pique-bandeira, etc.
29. Esportes adaptados: vôlei com bexiga de água e lençol, futebol em dupla (2 pessoas amarradas pela perna), handebol vendado, vôlei sentado.
30. Perfil: jogo para adivinhar locais, pessoas famosas e objetos dando dicas pequenas para 2 equipes.
31. Circuito de provas: fazer um circuito com obstáculos (passar por baixo de cadeira, saltos, corrida em zigue zague, etc) com tempo cronometrado. O time mais rápido vence.

Culturais
32. Noite temática sobre um país. Falar sobre os dados geográficos gerais do local, curiosidades, cultura, pontos turísticos, danças e culinária. Leve uma música local para escutarem, objetos da cultura e provem um prato típico no término. É possível realizar sobre México, Estados Unidos, França, Alemanha, Japão, etc.
33. Noite regional. Utilizar o mesmo formato de atividade temática para fazer sobre uma região ou estado do Brasil. Pode ser do Sul, Nordeste, Norte, Centro-Oeste ou mais específico como Minas Gerais, Bahia, Amazonas, etc.
34. Passeio e um parque ou museu. Programar um passeio em um parque ou museu da cidade para conhecer mais de sua história ou cultura. Sugestôes: Museu Paranaense (Largo da Ordem), Museu Egípcio Rosa Cruz (Bacacheri), Museu de História Natural (No Bosque do Capão da Imbuia), Museu Oscar Niemeyer (Centro Cívico), Museu do Expedicionário (Alto da XV), Parque Barigui (Barigui), Bosque Alemão (Vista Alegre), Bosque Reinhard Maack (Boqueirão).

Técnicas de Liderança
35. Treinamento sobre como dirigir uma reunião: ensinar as moças a dirigirem uma abertura de uma aula ou mutual. Ensinar detalhes como conferir a agenda, reconhecer visitantes e líderes da estaca, como falar a programação com hinos, oração, anúncios, aula, etc.
36. Treinamento sobre como preparar e dar uma aula: fazer dinâmicas e mostrar técnicas de como se preparar para dar uma aula, assim como conduzi-la no domingo. Utilizar recursos do manual “Ensino: Não Há Maior Chamado”.
37. Técnicas de Oratória: ensinar maneiras de como falar em público, especialmente para vencer a timidez. No término cada jovem pode escolher um tema e fazer uma breve apresentação de 2 minutos usando o que foi aprendido.
38. Improviso. Todos podem passar por imprevistos onde seja necessário improvisar uma aula, discurso ou apresentação. Ensinar técnicas de como falar bem de improviso. No final, criar temas em cartões e cada moça sortear e falar de um tema de improviso por 2 minutos.
39. Recepcionar visitantes: Debater como cada pessoa se sente ao chegar em uma nova ala, nova escola, etc. Listar as ideias e buscar soluções do que fazer quando uma visitante ou novo membro chega na ala. Fazer uma simulação de uma aula das moças onde uma jovem representa essa nova pessoa e as demais devem aplicar as sugestões.

Lar e Família
40. Gincana doméstica: mostrar como realizar simples atividades domésticas como passar roupa, reconhecer símbolos de lavagem de roupas, fazer uma limonada, pregar um botão, etc. Dividir as moças em dois grupos para que elas executem estas tarefas em uma gincana, e cada moça da equipe deverá executar uma das tarefas. O grupo que fizer mais bem feito vence a brincadeira.
41. Autossuficiência: aprender técnicas de armazenamento e ajudar a família a realiza-las. Considerar falar sobre reservas de emergência para casos extremos.
42. Decoração de Interiores: Convidar um profissional da que possa dar dicas de como a moça pode planejar e decorar seu próprio quarto, com dicas de espaço, cores, luminosidade, disposição de móveis, etc. Ela pode aplicar as ideias com sua família por toda a casa também.
43. Orçamento pessoal e familiar: aprender como gerenciar finanças, os itens que envolvem um orçamento. Cada jovem pode criar uma planilha de controle de gastos ou montar seu próprio controle em papel. Desafiar todas a viverem dentro do orçamento e iniciarem uma poupança para o futuro.
44. Casamento eterno: convidar uma moça noiva sobre como ela conheceu seu noivo e está se preparando para um casamento eterno no templo, e suas expectativas e ansiedades. Levar um vestido branco e as moças podem até experimentá-lo no dia. As líderes casadas podem falar sobre suas experiências e levar objetos de seu casamento, como fotografias, certificado do selamento, tiaras, etc.

Reconhecimento e Valorização das Moças
45. Dia de princesa: pedir ajuda de outras irmãs para “mimarem” as jovens. Fazer maquiagem, cabelo, massagem e um momento de relaxamento com as jovens. Ver a disponibilidade de, no término, irem para um parque ou local escolhido para uma sessão de fotos, individuais e em grupo.
46. Chá das Moças: Montar uma mesa de delícias, com bolinhos, pães, geleias, cupcakes e outras delícias. Fazer uma dinâmica onde, em um círculo, cada moça terá uma ficha que irá rodar no círculo e  todas vão escrever algo de positivo na ficha de cada jovem. Pode dar uma mensagem sobre auto-estima e sobre a natureza divina de cada jovem. Entregar uma carta personalizada para cada moça escrita pelas líderes no término.
47. Aumentar a Auto-estima: Convidar uma psicóloga para conversar sobre auto-estima, como evitar a depressão e outros distúrbios psicológicos atuais. Ajudar a reconhecer o valor e importância de cada moça.
48. Desenvolver talentos: cada moça escolher um talento e apresentar à classe. As moças que não acham ter talentos podem ser incentivadas por suas lideres a descobrirem talentos fora do comum para apresentarem.

Serviço
49.  Projetos de serviço diversos: visitar viúvas, doentes, mães de recém nascidos (pode levar um lanche e cantar um hino); cuidar de crianças, cantar hinos em hospitais ou asilos, organizar um dia de brincadeiras em um orfanato, ajudar irmãos na própria com necessidades diversas (jardim, obra, cuidados de saúde, etc.).
50. Realizar divisão com Élderes e Sísteres, entregar um livro de mórmon ou cartões da amizade e buscar outras maneiras de servir na obra missionária..

Mutuais sobre o Progresso Pessoal
51. História e incentivo progresso pessoal. Contar a história do progresso pessoal e do surgimento do livreto. Faça uma exposição com objetos de reconhecimento das moças e das mudanças ao longo dos anos, falando sobre cada um deles Filmar depoimentos de jovens mulheres que completaram o programa e porque foi importante para elas, assim como de seus esposos e o que eles vêem de importante. Mostrar como é muito mais fácil fazer o programa hoje do que antigamente buscando metas dos livros originais, que envolviam atividades na neve, matar insetos, etc. As líderes podem prestar testemunho sobre o programa ao final da atividade.

52. Utilizar copinhos plásticos de café e comprar gelatinas coloridas, uma de cada cor do valor das moças. Montar uma mesa que ficará bem colorida com os copinhos. Todas as participantes vão poder comer cada cor de gelatina após discutirem ideias, dúvidas e sugestões de metas e projetos de cada valor da cor correspondente.


4 comentários:

  1. Que bacana todas essas ideias. Assim dá para planejar mutuais fazendo revesamento dos temas. Tá bem organizado, Obrigada. bjus

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Esse blog é maravilhoso! Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. amei todas as idéias! estou começando agora a trabalhar com as moças e essas atividades vão me ajudar com as mutuais! Parabéns!!

    ResponderExcluir
  4. Adorei!! Vai me ajudar muito!

    ResponderExcluir